26/11/2015 - Ação do “VIVA MELHOR – FAÇA O TESTE DE HIV/AIDS”

11/19/2015

 

A OSCIP Terra das Andorinhas realizará na próxima sexta-feira, 30 de outubro, ação de testagem voluntária e gratuita do HIV, no Largo são Benedito, das 9h às 23hs30, região central de Campinas/SP.

 

A ação faz parte do projeto “VIVA MELHOR – FAÇA O TESTE DE HIV/AIDS” e conta com o apoio do Programa Municipal de DST/Aids.

 

No local serão realizados testes rápidos por fluido oral, em especial entre as populações-chave.  O procedimento utiliza fluido extraído da gengiva e da mucosa da bochecha com o auxílio de uma haste coletora e, em aproximadamente 30 minutos, já é possível obter o resultado.

 

Além da coleta e da execução dos testes, há um processo de aconselhamento, antes e depois do teste, para facilitar a correta interpretação do resultado pelo paciente. Em casos de teste reagente (“positivo”), a equipe encaminha o paciente para atendimento Centro de Referência - Programa Municipal de DST/AIDS de Campinas.

 

A realização do teste também poderá ser agendada para outras datas. Para isso o interessado deverá entra em contato com a instituição.

 

Outras informações poderão ser obtidas por:

 

Site: www. vivamelhorfacaotestehiv.org.br

E-mail: osciptda@gmail.com

Telefone: (19) 3383-0941

 

Saiba Mais:

 

O município de Campinas/SP é favorecido com o Projeto Viva Melhor Sabendo por meio de ações do subprojeto VIVA MELHOR – FAÇA O TESTE DE HIV/AIDS, da instituição social “OSCIP Terra das Andorinhas”. A ação conta com o apoio do Programa Municipal de DST/AIDS, da Secretaria Municipal de Saúde de Campinas.

 

O projeto Viva Melhor Sabendo é uma parceria do Ministério da Saúde com organizações da sociedade civil de todo o Brasil, que possui a missão de implementar a testagem rápida por fluido oral entre as populações-chave.

 

Ampliar a testagem voluntária e oportuna do HIV às pessoas vulneráveis ao vírus é fundamental para responder à epidemia e interromper a cadeia de transmissão do vírus, evitando a morbidade e a mortalidade por meio da atenção precoce.

 

Pensando nisso, assim como realizado no ano anterior, em 2015 o Departamento lançou edital para que as ONGs ligadas às populações-chave e ao HIV/AIDS pudessem participar de um projeto de testagem em seus pares - homens que fazem sexo com homens, gays, transexuais, travestis, profissionais do sexo e pessoas que usam drogas.

 

Batizado de "Viva Melhor Sabendo", o projeto utiliza o teste por fluido oral, cujo resultado sai em até 30 minutos. O teste foi normatizado em portaria do dia 18 de dezembro de 2013 e as ONGs são capacitadas por meio de oficinas.

 

Please reload

Featured Posts

Sem financiamento sustentável, resposta à AIDS pode falhar

October 8, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive